Queimaduras

Tu és o sol e eu sou a lagartixaNão existe nada como o sol de Brasília. A estimativa do índice UV para hoje varia de 10, pela Rede de Meteorologia do Comando da Aeronáutica (Redemet), a 16, pelo Weather Channel. Esses valores, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), enquadram-se, respectivamente, nos níveis “muito alto” e “extremo”. Ou, em português castiço, na categoria única forte pra cacete. Por sorte, graças à umidade do ar ligeiramente baixa (15%), suor não é problema. A preocupação atém-se a questões menores, como sardas, queimaduras e câncer de pele.

O que importa, porém, é que não existe nada como o sol de Brasília. O fim de tarde da capital, para opiniões mais ou menos tendenciosas, é incomparável. Do alto da Torre de TV, da beira do Lago Paranoá ou da Ermida Dom Bosco, o pôr-do-sol é um espetáculo que encanta a um só tempo brasilienses tostados e turistas ressequidos, num momento singelo de desidratada união. Nesses breves minutos, o Sol, coadjuvado pela arquitetura, é a grande estrela. Com trocadilho infame e tudo.

Anúncios

5 Respostas so far »

  1. 1

    Leo said,

    “I HAVE A DREAM”

    Eu tenho um sonho. Que todas as pessoas que não gostam de Brasília, que debocham dela, que só enxergam defeitos; que essas pessoas sejam capazes de encontrar oportunidades em outros lugares desse enorme país, capaz de acolher seus filhos em algum rincão mais agradável do que esta inóspita capital. E que essas pessoas tenham a força de vontade e a iniciativa para sair daqui, rumo à felicidade. Deixem a cidade para quem a ama. Só pedimos isso.

  2. 2

    Jan said,

    Não se trata de só enxergar defeitos – é uma questão de pura observação. Como, por exemplo, ir no sábado à tarde à padaria (!) onde compramos o Correio Braziliense e, ao perguntar pela edição de domingo, ouvir do balconista “Jornal de domingo é no domingo!”. Só faltou o “ora bolas” no final.

  3. 3

    […] faz sol. Faz sol de manhã e de tarde, no inverno e no verão. Faz sol até quando chove. É, como se sabe, um sol inclemente, que tem o mau hábito de elevar o índice UV ao nada salutar nível […]

  4. 4

    […] uma manifestação para os próximos dias, quando instarão São Pedro a restabelecer o regime de sol e seca. Se chover ou fizer frio, é óbvio, a passeata ficará para depois do Carnaval. […]

  5. 5

    […] discrição dos vizinhos, por sua vez, contrastaria com a conversa fácil e a voz a todo volume. O sol exigiria cuidados; a seca, hidratação dobrada. Os endereços deixariam a velha doida de […]


Comment RSS · TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: