Archive for janeiro, 2009

Piada de salão

Sempre rir, sempre rirUma das melhores revistas de humor em circulação na capital federal atende pelo curioso nome de Guia WIMOVEIS.COM. As piadas, do tipo que aposta no absurdo para fazer rir, espalham-se generosamente pelas 36 páginas da publicação, mas há destaques discretos, como a “Excelente Kit Nascente, Dividida, Cozinha Com Armário, Varanda Incorporada. Vista Livre, Piso Cerâmica, Mobiliada. 26,76 m²”, no fim da Asa Norte (SCLN 316), por apenas R$ 128.000,00. O leitor forasteiro não leu errado: são R$ 128.000,00 por uma quitinete de 26 metros quadrados em cima do comércio local (o famoso CL de SCLN). O preço hilariante dos imóveis pode ser explicado por um comportamento coletivo irracional – geral ou localizado. Por que a gente ri disso, por outro lado, continua sem explicação.

Piada de salão
(Armando Cavalcanti e Klécius Caldas)

É ou não é
Piada de salão
Se acham que não é
Então não conto não
Um sujeito que era gago
Procurou um botequim
Chegou perto do gerente
Outro gago bem ruim
E disse assim
Eu estou tô, tô, tô, tô
Aonde é que está, tá, ta
Mas o outro gaguejou
Chi! Trá, rá, rá, rá, rá, rá, rá

Anúncios

Comments (6) »

Balões e balelas

RelaxServiço público federal: a solução para os seus problemas. Se o senso comum falasse, diria isso. Ou cometeria alguma relação com as expressões “vida mole”, “paraíso na terra” ou a abominável “tudo de bom”.

O que a maioria das pessoas não sabe é que a moleza, na verdade, mora ao lado. Veja, se não acredita, o título da matéria da página 6 do Correio Braziliense de hoje: “Arruda veta folga em dia de aniversário”.

Não entendeu?

É que a saliência vetada pelo austero governador distrital é (ou seria) apenas mais uma vantagem dos servidores do Distrito Federal, que atualmente já desfrutam de folgas para exame de colo de útero e de câncer de mama e, supra-sumo do descanso, cinco dias de faltas abonadas por ano – isso mesmo, cinco dias livres, que podem ser abusados em seqüência ou alternadamente, sem necessidade de justificativa. Isso tudo em acréscimo aos benefícios garantidos ao pobre servidor federal.

Explicação melhor só da própria boca de um beneficiário:

“Nós recebemos salário para trabalhar 30 dias por mês. Mas há sete meses com 31 dias. Dois dias completam fevereiro, que tem 28 dias. Assim trabalharíamos cinco dias de graça. Por isso, foi criado o abono. Nos anos bissextos, acabamos dando um dia a mais para o governo.”
Servidor concursado da Secretaria de Educação do DF, em depoimento ao Correio Braziliense

Então, tá, então.

Comments (1) »

Extra! Extra!

Buemba! Buemba!Um homem cercado por microfones da Band, Globo, Record e SBT poderia ser um político, um artista ou um jogador de futebol. Nesta quarta-feira, 7 de janeiro, em Brasília, este homem foi Eron de Almeida, pescador, algoz de uma carpa chinesaprateada de 1,20 metro e 27 quilos. O peixe, “o maior da história do lago Paranoá”, foi capturado com uma tarrafa pouco antes das cinco da manhã. A Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb) mantém carpas em tanques no lago, para a limpeza natural da água, e a suspeita é de que o espécime agora famoso (e morto) possa ter escapado há cerca de dez anos.

É aquela história, minha gente: aconteceu, virou manchete.

Leave a comment »

2009 pelo boi

O dono do anoNão haverá oportunidade para pessoas em busca de moleza. O trabalho duro terá recompensa; a preguiça, não. Será um ano simples, objetivo e sem meio-termo. Um ano para se arrumar a papelada e botar a vida nos eixos; fazer o necessário para organizar e planejar o futuro financeiro, reduzir a tensão e conquistar uma situação segura. A tradição será importante. Manter a ordem e garantir que todos obedeçam às regras será uma necessidade absoluta.

Ninguém dará ouvido a choros e a pessoas atrás de esmolas. Não haverá nada menos comovente do que alguém querendo as coisas de mão beijada. Quem quiser se dar bem neste ano, terá de conquistar o respeito dos outros por meio de suas ações.

É isso que diz o boi, o do horóscopo chinês, não o da cara preta, segundo uma astróloga canadense. Para virar realidade, falta o ano começar. Na China, será no próximo dia 26. Em Brasília, só Deus sabe.

Comments (2) »