Os mandarins

Mais importante que o Nobel de 1994Momento histórico na última terça-feira: Shimon Peres, presidente de Israel, recebeu da Câmara Legislativa do Distrito Federal o título de cidadão honorário de Brasília. Extasiado com a comenda, o Prêmio Nobel da Paz de 1994 rasgou-se em doces palavras, que culminaram numa bombásticagrandiloqüente descrição da cidade: “Brasília é a capital do mundo novo porque aqui criam um lugar maravilhoso onde o homem está no centro de tudo”.

Embora não haja razão para se desconfiar da sinceridade do líder israelense, sua frase contrasta radicalmente com as impressões de outras personalidades que estiveram por aqui nestes quase 50 anos. E talvez o melhor exemplo diverso venha de Simone de Beauvoir, uma autêntica pioneira, que conheceu o Planalto Central já em 1960, ao lado de Sartre e ciceroneada pelo casal Jorge Amado e Zélia Gattai.

“À noite, enfim, chegamos a Brasília. Uma maquete em tamanho natural. Essa falta de humanidade salta logo aos olhos… Só se pode circular de automóvel… A rua, esse lugar de encontro entre moradores e turistas, lojas e residências, sempre imprevista – a rua, tão cativante em Chicago como no Rio, por vezes deserta e sonhadora, mas cujo silêncio é vivo. A rua, em Brasília, não existe nem existirá.”

“Guardo a impressão de ter visto nascer um monstro, cujo coração e pulmão funcionam artificialmente, graças a processos de um custo mirabolante.”
Simone de Beauvoir, A força das coisas

Anúncios

1 Response so far »

  1. 1

    Martha Gouveia da Cruz said,

    Gostei da comparação que você fez e concordo com a Simone. 😉


Comment RSS · TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: