Do pó ao pó

Levantou poeira!Os efeitos da estiagem, que finalmente chegou para valer, vão muito além dos sapatos imundos, da garganta seca e das implicações sebáceas. O ar parece invariavelmente carregado de pó, às vezes de fumaça, e a sensação é de se estar numa permanente mistura de deserto, canteiro de obra e festa rastafári. E não adianta virar a cara; do outro lado, vem sempre uma nuvem, talvez invisível, mas nunca inócua. E, para piorar, hoje tem show da Ivete. Poeira… poeira… poeira…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: